Rainha D. Amélia

 
D. Amélia foi a última rainha de Portugal. Esposa de D. Carlos I e mãe do último Rei de Portugal, D. Manuel II, o seu nome original é Amélie, uma vez que era francesa de nascimento, mas ficou a amar Portugal, embora tenha assistido à transição da Monarquia para a República.
Image

Desenhos da Rainha D. Amélia para tu colorires

 
Image
Na secção "Desenhos para colorir" tens desenhos que a rainha fez do Paço Real de Sintra (hoje chamado Palácio Nacional de Sintra) e que tu podes colorir.

... a Rainha D. Amélia foi uma excelente desenhadora e que Sintra foi uma inspiração para os seus trabalhos?

Vamos descobrir mais em família, lendo em conjunto

Image

D. Amélia nasceu em Twickenhem, em 28 de Setembro de 1865, filha do Conde de Paris Luís Filipe, pretendente ao trono francês, e de sua esposa Maria Isabel de Orleães.

Como rainha, D. Amélia  teve um papel muito importante, influenciando, com o seu carácter culto e elegante a corte portuguesa.

À rainha D. Amélia se deve a criação do Museu Nacional dos Coches em 1905 (então chamado “Museu dos Coches Reais”): reconhecendo a riqueza artística destas viaturas da época, entendeu que deviam reunir-se num só espaço os coches que estavam guardados em diversas arrecadações e ao abandono.

A arte não era a única preocupação da rainha, também se interessou pela erradicação dos males da época, como a pobreza e a tuberculose, fundou em 11 de Junho de 1899 o Instituto Nacional de Assistência aos Tuberculosos e em 18 de Maio de 1907 os dispensários sanatórios, como por exemplo o Sanatório para a assistência nacional aos Tuberculosos, para além de cozinhas económicas e muitas creches, também fundou o Instituto Pasteur em Portugal e o Instituto dos Socorros a Náufragos, em 1892.

_____

Informação em:

https://historiasdahistoria.blogs.sapo.pt/dona-amelia-rainha-de-portugal-1161